Chuva significativa, previsão de geada e possibilidade de neve em áreas do Sul do Brasil

Nesta semana as chuvas têm sido mais frequentes em parte do RS, principalmente na região da fronteira e áreas do interior do RS, inclusive amenizando um pouco a situação de estiagem nas referidas áreas, situação influenciada pela atuação de um sistema frontal que atuou de forma mais estacionária. Segundo medições do Inmet, os maiores volumes de chuva aferidos entre a quinta-feira (05/07) e 16 horas desta sexta-feira (06/07) foram observados no centro-norte do Estado com 118,2 mm (89% da média normal de chuvas para o mês de julho que é de 133 mm), sendo 95,2 mm entre 0 hora e 16 horas desta sexta-feira em Rio Pardo; 82,6 mm (60% da média climatológica de chuvas que para o mês de julho é de 139,7 mm) em Cruz Alta, sendo 52,2 mm entre 0 hora e 14 horas de hoje; 86,2 mm (54% da média normal de chuvas que é de 158,6 mm) em Bento Gonçalves, sendo 61,6 mm entre 0 hora e 14 horas de hoje; 89,6 mm (56% da normal climatológica de chuvas que é de 160,1 mm para o mês de julho) em Canela, volume este aferido entre 0 hora e 16 horas desta sexta-feira. Em Lagoa Vermelha, a chuva aferida apenas nesta sexta-feira (16 horas) foi de 76 mm ou 62,3% da média que fica em torno de 122 mm, e em Soledade, a chuva aferida entre a quinta-feira e 14 horas desta sexta-feira totalizou 72,8 mm ou 55% da média (133 mm). Em Torres, o acumulado nesta sexta-feira (16 horas) soma 78,2 mm ou 78,2% da média climatológica que é de 100 mm.

A capital Porto Alegre aferiu 86,8 mm (73,2% da média de chuvas para o mês de julho que é de 118,5 mm), entre ontem e 14 horas desta sexta-feira, situação que resultou em alagamentos em várias áreas da cidade (fonte: http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/transito/noticia/2012/07/alagamentos-provocam-transtorno-no-transito-da-capital-3813219.html). No município de Tramandaí, no litoral norte do RS, a chuva corresponde a 82% do esperado para todo mês, com volume de 106,6 mm.

Na cidade de Erechim, o acumulado entre a quinta-feira e 16 horas desta sexta-feira foi de 93,8 mm (88,2 mm apenas nesta sexta-feira) ou 66,2% da média climatológica de chuvas para o mês de julho que é 141,6 mm. Em Palmeira das Missões, 75 mm (52,4% da média que é de 143 mm), sendo 68 mm nesta sexta-feira (14 horas); em Santo Augusto, a chuva aferida nesta sexta-feira (14 horas) foi de 76,6 mm ou 56,3% da média de chuvas para julho que é de 136 mm; em Frederico Westphalen 85,2 mm, correspondendo a 60% da média (142,6 mm); em Horizontina, a chuva acumulada no mesmo período foi de 57,2 mm (44% da média); 53,8 mm em Vacaria; 35 mm me Passo Fundo e 39,6 mm em São José dos Ausentes. Em Santa Catarina, a localidade de Descanso, no oeste do Estado acumulou 37,6 mm nesta sexta-feira (14 horas). 

Na análise da carta sinótica de superfície das 06Z (recortada) de hoje (06/07), nota-se que houve o aprofundamento de uma área de baixa pressão entre o oeste da Região Sul e o Paraguai, com isso, reforçando o sistema frontal que atuava nestas áreas e configurando uma frente fria entre a Bolívia, Paraguai, MS e extremo oeste do PR.




Análise completa em: http://www.cptec.inpe.br/noticias/faces/noticias.jsp?idConsulta=&idQuadros=142

Hoje (06/07) o dia será nublado com períodos de chuva entre o sudoeste do PR, oeste e sul de SC e boa parte do RS. Os maiores volumes de chuva deverão ocorrer entre o oeste de SC e o centro-norte do RS. No oeste e sul de MS, demais áreas de SP e de SC e no extremo sul de SP ocorrerá pancada de chuva, principalmente no parte da tarde.

Após as chuvas em áreas do Sul do país haverá a incursão de uma massa de ar mais frio e seco o que favorecerá queda mais acentuada nas temperaturas, inclusive com condições favoráveis à formação de geada, conforme prognóstico abaixo. Na próxima madrugada (07/07) já haverá condições para formação de geada. E na madrugada da segunda-feira (09/07) haverá condições favoráveis à formação da geada em áreas do Estado de SP. As áreas mais favoráveis são: próximo ao PR e na divisa de SP com MG e RJ (áreas de serra), conforme mapa do prognóstico de geada referente ao dia 09/07. 

No sábado (07/07) na Serra do Nordeste no RS haverá possibilidade de neve já desde a madrugada e no fim do período e com menores chances no Planalto Sul de SC.

 



 

 

 


 

Atualizado em 06/07/2012 10:36

Proximo

INPE - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais
CPTEC - Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos
© Copyright CPTEC/INPE
Comentários e/ou sugestões: Fale Conosco